Trabalhadores da Cappellano param obra da Sabesp em São Roque

A Construtora Cappellano Ltda, responsável pela obra da Rodovia Lívio Tagliassachi, 986, no Parque Varanguera, em São Roque, demitiu vários funcionários e não recolheu a multa dos 40% do FGTS.

A empresa estava enrolando os ex-funcionários, que no dia 24 de fevereiro acionaram o Sindicato. 

No dia seguinte, em resposta aos apelos dos ex-empregados, a obra foi paralisada até que a questão fosse solucionada. Em Assembleia os trabalhadores decidiram manter a paralisação até que a empresa desse solução aos problemas.

Com a obra parada, começaram a chegar novas denúncias. Entre elas a de que o alojamento também estava com muita sujeira, com goteiras em dias de chuva e muito inseto. O Sindicato também exigiu solução para mais estes problemas.

No dia 26 de março a construtora se pronunciou. Em reunião com o Sindicato ficou acertado que a multa do FGTS seria recolhida até dia 15 de março. O alojamento seria regularizado de imediato, logo após a assinatura da ata com o compromisso da Construtora.

Os funcionários voltaram ao trabalho. Mais uma vez o Sindicato foi atuante para resolver a situação dos trabalhadores.